Imprensa

Desfile Cívico da Independência encanta população do distrito de Camela

Doze escolas, entre particulares e municipais, além do efetivo da Secretaria Municipal de Defesa Social (SDS) e um grupo de idosos do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) abriram, nesta quinta-feira (5) as comemorações da Independência em Camela, distrito do Ipojuca. O prefeito Carlos Santana, a coordenadora de projetos sociais, Simone Santana, além da secretária de Educação, Margareth Zaponi, principal organizadora do evento, dos secretários de Governo, Pedro Santana, de Defesa Social (SDS), Adelmo Alves, de Juventude e Esportes, Miquéias Silva, de Infraestrutura, Eryka Luna, de Bem-Estar Social, Marilene Hollanda, de Agricultura, Carlos Monteiro, e da Mulher, Dora Pires, além do Controlador Geral, Ricardo Lins, prestigiaram o evento cívico.

Doze escolas, entre particulares e municipais, além do efetivo da Secretaria Municipal de Defesa Social (SDS) e um grupo de idosos do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) abriram, nesta quinta-feira (5) as comemorações da Independência em Camela, distrito do Ipojuca. O prefeito Carlos Santana, a coordenadora de projetos sociais, Simone Santana, além da secretária de Educação, Margareth Zaponi, principal organizadora do evento, dos secretários de Governo, Pedro Santana, de Defesa Social (SDS), Adelmo Alves, de Juventude e Esportes, Miquéias Silva, de Infraestrutura, Eryka Luna, de Bem-Estar Social, Marilene Hollanda, de Agricultura, Carlos Monteiro, e da Mulher, Dora Pires, além do Controlador Geral, Ricardo Lins, prestigiaram o evento cívico.

“Esse evento da Independência tem uma importância simbólica e sempre foi muito tradicional no nosso município, pela interação entre a sociedade e o poder público. Não poderíamos deixar de valorizá-lo”, afirmou Carlos Santana. Já a secretária Margareth, preferiu enaltecer o reforço na identidade do distrito de Camela. “Mantivemos uma tradição e, ao mesmo tempo, incentivamos a cultura local”, destacou.

A banda com integrantes da terceira idade, do Programa Vida Ativa, trazido pelo CRAS de Camela

O desfile iniciou pela apresentação do pelotão da SDS, composto por 60 homens, dez motos e cinco viaturas da Guarda Municipal, da Unidade de Respostas Especiais (URE), Patrulha Ambiental, Patrulha Escolar Municipal e Guarda Vidas. O guarda municipal Márcio Gouveia, recentemente falecido num acidente automobilístico, foi lembrado. Na sequência veio o CRAS de Camela, com um grupo de idosos e, inclusive, vários deles reunidos em uma banda marcial, intitulada Zezinho Mariano, morador falecido do distrito, que se destacou por serviços prestados à comunidade local. O destaque ficou por conta das homenagens prestadas a Tia Preta, moradora local centenária. Ela recebeu um presente das mãos da coordenadora de projetos sociais, Simone Santana, e da secretária de Bem-Estar, Marilene Hollanda. Todos os idosos faziam parte do Programa Vida Ativa, da Secretaria de Bem-Estar Social.

Tia Preta, moradora centenária de Camela, homenageada por Simone Santana e Marilene Hollanda

O destaque ficou por conta das homenagens prestadas a Tia Preta, moradora local centenária. Ela recebeu um presente das mãos da coordenadora de projetos sociais, Simone Santana, e da secretária de Bem-Estar, Marilene Hollanda. Todos os idosos faziam parte do Programa Vida Ativa, da Secretaria de Bem-Estar Social.

O Programa Mãe Coruja, coordenado por Simone Santana, também foi homenageado

Depois foi a vez das escolas, a começar pela particular Arco-Íris. A escola apresentou um bonito número de balizas mirins e uma placa, com uma mensagem bem apropriada: “Educai as crianças para que não seja preciso punir os adultos”. No desfile escolar, o êxito do Programa Mãe Coruja Municipal foi homenageado.

Desfile da Escola Municipal Ministro Jarbas Passarinho, um dos destaques do evento cívico, observado pelo prefeito Carlos Santana

Outra que se destacou foi a Escola Municipal Ministro Jarbas Passarinho, com uma banda marcial afinadíssima e uma evolução perfeita, inclusive, com uma graciosa coreografia das balizas. Músicas populares foram executadas ao som do saxofone, contagiando o público, que entrou no embalo. Os alunos Orlando Brás e Paulo José da Silva, falecidos, foram lembrados. A diretora, Amara Lúcia Sena, recebeu o troféu Desfile Cívico 2013, como todas as diretoras das unidades participantes. “É o patriotismo valorizado dentro da nossa comunidade”, descreveu. Neste sábado, o desfile será no Ipojuca-Sede, a partir das 8h.